Como fazer skincare? Aproveite a quarentena para cuidar da pele

Começar uma rotina de skincare é simples. De acordo com a dermatologista Claudia Marçal, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia, para se ter uma ideia do que é primordial para a saúde e beleza da pele é necessário lembrar da pirâmide de tratamento, cuja base é a hidratação e a fotoproteção, além de higienização. “O ideal é que a rotina seja dividida em cuidados diurnos e noturnos”, afirma a dermatologista

Pela Manhã: A ordem é limpar, tonificar, hidratar e fotoproteger. “A pele deve ser lavada com movimentos circulares com as pontas dos dedos, massageando bem em todas as áreas, principalmente a região da zona T, que é a região mais oleosa”, explica a médica

Cuidado com o sabão na região da linha interciliar para evitar qualquer tipo de blefarite ou conjuntivite. “Deixar com que esse sabonete, gel de limpeza ou loção de limpeza, dependendo do tipo de pele, permaneça por um minuto e depois retirá-lo com água”, explica a dra. Claudia

Em geral, é indicada a emulsão de limpeza com extratos calmantes para peles secas e, no caso das oleosas, o sabonete líquido com ácido salicílico pode ser usado 

“Na sequência, as loções tônicas devem ser aplicadas com algodão por
toda a extensão do rosto e pescoço. Esse tônico regula (equilibra) o pH,
pode ter característica hidratante, controladora da oleosidade e
calmante, dependendo do ativo da formulação”, diz o dermatologista Dr.
Abdo Salomão Jr. Espere a pele secar e parta para a próxima etapa

No caso do hidratante, aplicado assim que a pele secar, o ácido
hialurônico é a opção mais inteligente e pode mesclar baixo e alto peso
molecular (Hyaxel e DSH CN). Fique de olho nas texturas: “Peles mais
secas se beneficiam de cremes mais pesados enquanto as peles mais
oleosas devem investir em gel e loções oil-free”, diz o dr. Abdo

Para a hidratação, você pode ir direto para o creme, aplicando algo
semelhante ao tamanho de um grão de ervilha no rosto. Mas se você
preferir, pode usar um sérum antes: ele tem ativos concentrados que
podem trazer uma série de benefícios. “É importante reforçar nosso
sistema antioxidante com o uso tópico de Vitamina C estabilizada,
Vitamina E, Alistin, OTZ 10 e ácido ferúlico”, explica a médica

Por fim, em uma rotina que dura menos de 10 minutos, assim que a pele absorver o hidratante e não estiver “melada”, é hora de proteger com o uso do filtro solar. “Essa é uma das etapas mais importantes e nós sempre temos que tomar cuidado com essa aplicação.

As recomendações mundiais pelos consensos tanto brasileiros de fotoproteção quanto pelos guidelines internacionais é que se use dois miligramas por centímetro quadrado, mais ou menos uma colherzinha de café. “Eu tenho que passar o filtro solar até que essa camada generosa cubra toda a área e eu tenha aquela sensação de que existe um conforto e uma cobertura homogênea”, diz a médica. Esse fotoprotetor deve ter FPS de no mínimo 30 e ser reaplicado a cada quatro horas mesmo dentro de casa! Feito isso, parabéns, você cuidou da sua pele pela manhã

À noite: Por mais que você não use maquiagem, você precisa retirar o protetor solar da pele. Então, à noite, limpe a pele do rosto e repita o ritual de limpeza da manhã, massageando e deixando o produto na pele antes de retirá-lo. Segundo o dermatologista Dr. Abdo Salomão, é possível usar também, duas vezes por semana, um esfoliante que garante uma textura mais suave e também facilita a absorção dos ativos de tratamento que vem a seguir.

No rosto, tonifique e hidrate para fechar a rotina de cuidados, mas é necessário enfatizar: consulte um dermatologista, que vai indicar também fórmulas recomendadas às alterações de pele que você precisa tratar. “Elas podem contar com o retinol, substâncias clareadoras, renovadoras, estimuladoras do turn-over celular e antioxidantes para máximo efeito antiaging”, finaliza a dermatologista dra. Claudia Marçal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *